| Home | links do setor | associados | diretoria |

Temer aceita discutir imposto sindical genérico, diz sindicalista

06/07/2017

O presidente Michel Temer indicou em reunião com sindicalistas que o governo vê positivamente a ideia de uma nova contribuição sindical a ser paga pelos trabalhadores que participam dos acordos coletivos. A medida seria uma alternativa ao fim do imposto sindical previsto na reforma trabalhista.
Em encontro realizado nesta quarta-feira, 5, Temer reafirmou o compromisso de ajustar a reforma trabalhista em alguns pontos após eventual aprovação no plenário do Senado.
Presidente Michel Temer teria indicado apoio à "Contribuião Negocial" após fim de Imposto Sindical, diz
"O presidente disse que topa fazer a discussão sobre essa proposta de financiamento aos sindicatos", disse o primeiro-secretário da Força Sindical, Sergio Luiz Leite, que participou do encontro no Palácio do Jaburu. A entidade defende que haja livre negociação entre sindicatos e trabalhadores beneficiados por uma convenção - independentemente de o empregado ser ou não sindicalizado. "Queremos a livre negociação e dar poder para que as assembleias decidam a maneira dessa contribuição", explicou o sindicalista. O estudo da nova forma de financiamentos dos sindicatos havia sido antecipada pelo Broadcast no início de junho.


Fonte-Estadão

clj


Copyright © 2002 Sinacouro. Todos os direitos reservados